terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

BREVIDADE

A minha peleia
temperei com açúcar.
No meu ir e vir
trago sementes e pausas.
Tem sabor 
tudo aquilo que soma.

Laço ata, enfeita,
aperta e solta
sorrisos e lágrimas.
Árvores guardam 
sombras e lembranças.
E as aves tem asas e pouso.

(Ir. Rosa Ramalho,fsp)


Nenhum comentário:

Postar um comentário